sexta-feira, junho 01, 2007

I need more!

Naquele dia em que eu fui eu, e não Maria, recebi a mensagem. Entendi, creio, parte do recado, que se confirmou no meu ontem. Porque, quando menos esperamos, estamos sujeitos à surpresas...
Naquele dia em que sentia a vida como caos, o caos do tudo... percebi a presença.
Hoje posso dizer que ainda é tempo... que sempre vai ser tempo. E que o silêncio pode ser espera... e que o falar não depende só de mim.
Estarei sempre pronta para o AMOR. Estarei sempre vivenciando o AMOR. Porque somente ele pode me dar forças para seguir adiante.
Deixo, aqui, a letra de uma música que, sinceramente, nunca foi do meu maior agrado - a melodia. Mas que a letra é de uma profundidade que nos leva a pensar...
Agradeço a um amigo que me enviou um e-mail que tinha esta música. Eu tive a curiosidade de pegar a letra e traduzí-la... lembrando meus tempos de menina, quando meu Inglês era fluente.


What can I say
there's an empty where your love
filled my life and I know.
That a part of you will always be a part of me.

One summernight
and the sky is full of wishes
that won't arrive.
How can I be in a world without your eyes
to look at me.

No more Boleroes
No more nights to dance the dance of love
Only lonely hearts
no more Boleroes
I hear the song
and your arms always make me feel so warm
now you're gone I'll be dancing on alone.

No more Boleroes
No more nights to dance the dance of love.
Only lonely hearts
no more Boleroes.


by Miriam, com vontade de dançar.